Existe bruxismo fisiológico?

Novos conceitos e visões em relação ao bruxismo

por Dr. Guilad Weil

Bruxismo é um tema que atrai bastante atenção, tanto de dentistas clínicos, quanto de pesquisadores, e afeta um número grande de pessoas, que acham que sofrem do problema.

Atualmente há um debate ativo sobre quais os graus das consequências clínicas que podem ser causadas pelo bruxismo, como também os tipos diferentes de bruxismo, suas causas e métodos de controle.

Pesquisas sobre o bruxismo

Há um consenso internacional de pesquisadores que define o Bruxismo como sendo uma atividade repetitiva da musculatura mastigatória ou da mandíbula, caracterizada principalmente por rangimento ou apertamento dos dentes.

Esses movimentos podem acontecer quando a pessoa está dormindo (bruxismo do sono, ou BS) ou pode acontecer quando a pessoa está acordada (bruxismo de vigília ou BV)

Com o avanço das pesquisas e testes clínicos, estão aparecendo evidências de que algumas pessoas podem ter bruxismo sem saber que tem, e sem consequências clínicas perceptíveis. E há pistas que mostram que – principalmente durante o sono – o bruxismo pode ter um papel protetor.

Este tipo de bruxismo seria benéfico para a homeostasia das funções orofaciais, manutenção das vias aéreas superiores, facilitação do fluxo salivar para secreção da mucosa oral,  (principalmente em pessoas que apresentam síndrome de refluxo gastro esofágico), para tamponar a acidez vinda do estômago. Este tipo de bruxismo está sendo chamado de NORMO BRUXISMO

Já quando o bruxismo causa consequências clínicas, como desgaste de dentes, piora de problemas periodontais, quebra de dentes, diminuição da vida de restaurações, coroas e implantes.

E também trazendo sintomas como dores faciais, dores de cabeça tensionais e até enxaquecas (causadas principalmente pelo bruxismo de vigília) ele é considerado como PATO BRUXISMO (do termo patológico) .

Tratamento e diagnóstico dos diferentes tipos de bruxismo

Em vez de tentativas complexas de se “curar” qualquer tipo de bruxismo, o foco deve ser:

  • o diagnóstico preciso, por profissionais atualizados no tema;
  • o controle do pato bruxismo;
  • a manutenção do normo-bruxismo.

Além do entendimento por profissionais e pacientes de que o termo BRUXISMO cobre uma grande variedade de condições com impactos diferentes na saúde oral e geral da população.

 

Os profissionais da LIVA estão aptos para fazer esse diagnóstico, e o controle dos casos que precisam de tratamento, de maneira simples, eficiente e baseados no que há de mais moderno em termos de evidências científicas. 

 

“A LIVA é um tratamento especializado em cefaleias tensionais, ocasionadas pelo bruxismo de vigília. Se você acha que suas dores de cabeça estão relacionadas com esse transtorno, realize o nosso teste.”

 

Artigos Relacionados

Precisa de ajuda? Converse Conosco