Descubra se sua dor de cabeça está afetando sua vida social

Pense bem: a quantos compromissos você já deixou de ir porque estava com uma dor de cabeça insuportável? Quantos passeios com seu marido, filhos e amigos você não foi porque estava sentindo dor?

Se você já passou por essas situações, fica bem claro que a sua vida social está sendo prejudicada.

Entre as dores que mais atrapalham o dia a dia dos brasileiros está a dor de cabeça. E de acordo com uma pesquisa, as principais atividades impactadas por essas dores cotidianas são o trabalho, o sono, afazeres domésticos e o lazer.

A falta de atividade física e alimentação saudável podem ser causas facilmente identificáveis. Porém, há muitas outras que não são tão óbvias, ou mesmo conhecidas, como por exemplo, o bruxismo de vigília.

O Bruxismo de Vigília é o ato de apertar os dentes ou tensionar os músculos da cabeça sem razão aparente, e esses movimentos são totalmente inconsciente durante momentos de tensão, ansiedade ou concentração.

Este hábito, pouco intenso e muito frequente tem sido apontado como um grande fator de risco para o aparecimento e manutenção de várias dores na região da cabeça, nuca e até zumbidos no ouvido!

Sendo assim, será que a dor de cabeça também está afetando a sua vida social e convivência familiar? Será que ela se tornou uma doença incapacitante para você? É o que vamos descobrir agora!

Veja abaixo 4 sinais de que as dores de cabeça tem atrapalhado o seu cotidiano.

1. Você falta muito ao trabalho

Esse é um dos sinais que podem mostrar o quanto a dor de cabeça afeta a sua vida. Se você, frequentemente, deixa de ir ao trabalho ou vai para casa no meio de turno porque não se sente em condições de continuar, por causa da cefaleia, então esse é um problema que está interferindo diretamente na sua rotina.

2. Você sai menos com os amigos

Quem não gosta daquele happy hour depois do expediente com os colegas de trabalho ou amigos? É o momento perfeito para brincadeiras, bater papo de forma bastante descontraídas e, quem sabe, ouvir música boa, além de comer algo delicioso.

Porém, esses momentos de confraternização ficaram perdidos em uma época que você era mais saudável e não sentia dor de cabeça constantemente.

Depois de um dia na empresa, aquela dor de cabeça que parece não passar nunca, começa e você só quer ir para casa tomar banho, tomar um remédio e deitar. Dessa forma perdendo momentos importantes do seu convívio profissional.

 

Leia também: Como ter dias mais leves e aproveitar a vida em família?

 

3. Você sai menos com o seu companheiro

Vocês passam o dia um longe do outro. Mas, quando chega à noite, que todos estão em casa, é justamente o momento para aproveitar a companhia um do outro. É claro que existe o cansaço do dia, mas a rotina pode se tornar ainda mais cansativa quando as dores de cabeça estão presentes.

E, se você não está conseguindo sair um pouco de casa ou mesmo fazer programas em casa com seu marido ou namorado por causa da dor, certamente ela está minando aos poucos o seu relacionamento.

4. Não viaja mais com a família

Apareceu um belo de um feriado prolongado, tem muito sol na previsão do tempo e todos na sua família estão empolgados para viajar, inclusive você. Mas aí, em cima da hora, começa aquela dor de cabeça e você só pensa em ficar deitada.

Você pode até viajar, mas, provavelmente, não vai passar muito tempo com a família e sim no quarto deitada esperando que o analgésico fazer o efeito.

Conclusão sobre as dores de cabeça e a vida social 

Um quadro de dor de cabeça frequente causa impactos sérios na sua vida social e profissional e isso pode se tornar um ciclo de stress e dor.

O nosso cérebro precisa relaxar, por isso é importante entender qual é a causa da dor de cabeça, e quebrar esse ciclo.

Por isso busque perceber em quais momentos a dor acontece e relacione o que pode estar desencadeando suas crises.

Por fim, procure a ajuda de um especialista para que ele te ajude a encontrar o tratamento mais adequado para o seu problema.

 

“A LIVA é um tratamento inovador sem remédios e totalmente reversível, especializado em cefaleias tensionais, ocasionadas pelo bruxismo de vigília. Se você acha que suas dores de cabeça estão relacionadas com esse transtorno, realize o nosso teste.”

 

Artigos Relacionados

Precisa de ajuda? Converse Conosco