Como aliviar as dores de cabeça com massagem?

A DTM (Disfunção Temporomandibular) é a causa mais comum de “dor não dentária” na região da face. Devido a contração dos músculos da mastigação (masseter e temporal), a face pode ficar muito tensa e cansada e com isso acarretar os desconfortos.

Por isso que as terapias físicas como as massagens são uma ótima forma de amenizar as dores de cabeça.

Com o home office as pessoas passaram a ficar muito tempo sentadas. Reuniões, consultas online, tudo isso tem sido feito de forma remota, o que acaba trazendo muitas dores nas costas, articulações e músculos.

Para ativar a circulação sanguínea e aliviar as tensões ocasionadas por essa rotina, vamos deixar algumas dicas de quais regiões massagear para obter redução das dores.

Porém, vale lembrar que esse método menos tradicional, não oferece cura, mas traz um alívio momentâneo e de forma natural.

Veja abaixo onde massagear para aliviar as dores de cabeça.

 

Massagens para aliviar as dores de cabeça

Descubra abaixo, quais pontos massagear para aliviar as dores de cabeça, e assim, diminuir os sintomas de forma natural e sem precisar recorrer a diversos remédios.

 

Massagem no topo da cabeça

Para aliviar as dores de cabeça que se originam no topo da cabeça, siga os seguintes passos:

Passo 1: Utilize as pontas dos dedos para fazer a massagem.

Passo 2: Coloque a mão no topo da cabeça – com os dedos espaçados – e faça movimentos para frente, para trás e para os lados.

Passo 3: Para finalizar, puxe suavemente as raízes do cabelo.

Dica: Os movimentos devem começar mais rápido e depois devem se tornar cada vez mais lentos. Faça a massagem no topo da cabeça, por cerca de 3 minutos.

 

Massagem para dor de cabeça – Opção 2

Massageie com os dedos abertos, a região do couro cabeludo, acima das orelhas.

Coloque as mãos um pouco acima das orelhas e faça movimentos com os dedos (pra cima e pra baixo), depois suba mais um pouco, e massageie por mais alguns minutos.

 

Massagem para dor na Nuca

Para aliviar a tensão que acontece na região da nuca, deve massageá-la com mais pressão – porém utilize uma intensidade que ainda seja confortável.

Passo 1: Com as pontas dos dedos, faça movimentos circulares na região da nuca por 2 a três minutos.
Você pode aproveitar para fazer a automassagem na região do pescoço, seguindo os mesmos movimentos.

Dica: Utilize um óleo de massagem ou creme para deslizar com mais facilidade.

 

Leia também: 8 possíveis causas de dor na nuca e cabeça!

 

Suavizando as dores nas têmporas

Para aliviar as dores de cabeça com automassagem, faça movimentos circulares (sentido horário e anti-horário) nas regiões das têmporas – de forma simultâneas – por cerca de 1 minuto.

 

Massageando o rosto para amenizar as dores de cabeça

Região da sobrancelha: Com os polegares para baixo, posicione eles entre a sobrancelha, contorne as sobrancelhas com os polegares até chegar à região das têmporas. Repita o processo por 1 minuto.

Você ainda pode massagear as sobrancelhas, com o indicador e o polegar formando uma pinça, e ir apertando toda a extensão das sobrancelhas. Faça isso por pelo menos, 3 vezes cada uma.

Outra opção é massagear as pontas das sobrancelhas (a parte mais grossa, perto do nariz), com os polegares. Circulando e pressionando. Repita o processo por um minuto.

Região do maxilar: Com os dedos, massageie a linha do maxilar, do queixo para as mandíbulas.

Rosto: Com os polegares, faça pequenos círculos em todo o rosto.

Você também pode fechar os olhos, colocar as mãos sobre o rosto e respirar fundo por 3 vezes.

 

O que pode estar causando minhas dores de cabeça?

Certas complicações na saúde podem causar alguns tipos de dor de cabeça, afinal, ela é sinal de que algo não vai bem no nosso corpo.

Veja as 4 situações que também levam a cefaleias:

 

1. Bruxismo diurno

Por estar associado ao estresse, ansiedade e a momentos que exigem concentração, o bruxismo diurno é um dos principais causadores das dores de cabeça tensionais.

Segundo dados da OMS, 84 milhões de brasileiros – cerca de 40% da população – sofrem com o bruxismo. Entretanto, em outra pesquisa, mostrou-se que apenas 5% da população tem o bruxismo do sono.

Portanto, a grande maioria é acometida pelo bruxismo diurno e nem ao menos sabe disso!

O bruxismo diurno, ou bruxismo de vigília, é reconhecido pelo tensionamento dos músculos da face durante o dia.

Esse hábito inconsciente pode trazer sintomas como zumbido no ouvido, dificuldades para abrir e fechar a boca, tontura, dores de cabeça e na nuca, além de desgaste dentário.

 

2. Sinusite

Assim como o bruxismo de vigília, a sinusite também ocasiona dores de cabeça e na face.

Além disso, a sinusite também pode vir acompanhada de coriza, secreção e entupimento das narinas.

Para diagnosticar a sinusite é preciso um exame de raio-x para confirmar a inflamação dos seios nasais.

 

3. Pressão alta

É comum as pessoas associarem a dor na nuca com a pressão alta. O que acontece é que as dores na região da nuca podem ocasionar a pressão alta, e não o contrário.

Quando você sente dor – ou até mesmo estresse – o organismo libera muitos hormônios para aliviar as dores e o desconforto, porém esse aumento de substâncias também ocasiona o aumento da pressão.

 

4. Estresse

O principal tipo de dor de cabeça que atinge as pessoas que passam por algum período de estresse, seja no trabalho, na família, ou até mesmo emocional é a cefaleia de tensão.

Esse tipo de dor de cabeça afeta 90% da população. A dor da cefaleia tensional é difusa e pode se espalhar por toda a cabeça.

Os sintomas podem variar de rigidez muscular a sensibilidade no couro cabeludo, pescoço e ombros. Pode se manifestar em forma de pressão na cabeça, além de dor na nuca, testa e nas laterais do crânio. A dor vai aumentando com o passar do dia e o seu pico é no final da tarde.

 

Aliviando as dores de cabeça sem remédio

Uma outra forma de aliviar as dores de cabeça sem recorrer a medicamentos é utilizando métodos que ajudem a proporcionar alívio para essas tensões.

Além da automassagem, o tratamento LIVA também pode ser um grande aliado na hora de aliviar as dores de cabeça tensionais, causadas pelo bruxismo diurno.

O tratamento LIVA foi criado pelo especialista em dor orofacial Dr. Alain Haggiag, com o objetivo de evitar que o paciente permaneça com os músculos da face tensionados durante o dia.

O tratamento LIVA preconiza o uso do dispositivo DIVA® que fica adaptado entre os últimos dentes e tem como finalidade informar o paciente quando essas tensões musculares ocorrem.

Com este biofeedback, o paciente é reeducado e consegue controlar este hábito tão ruim que é o bruxismo de vigília e que causa cefaleias tensionais, além de muitos outros incômodos.

O resultado do tratamento LIVA para o bruxismo de vigília tem se mostrado bastante eficaz para pacientes com cefaleia tensional.

Pacientes que tinham uma escala de dor, de 6.5, após três meses utilizando a metodologia LIVA, a média de dor caiu para 2.

Saiba mais sobre a história do tratamento LIVA, aqui!

 

Conclusão sobre como aliviar as dores de cabeça com massagens

Apesar da massagem ser uma grande aliada no combate das dores de cabeça, não se deve deixar de lado uma ida ao especialista em dor Orofacial para diagnosticar qual é o verdadeiro motivo por trás dessas dores.

 

Se você suspeita que as suas dores de cabeça têm origem do bruxismo diurno, entre em contato com os profissionais da LIVA!

 

Artigos Relacionados

Precisa de ajuda? Converse Conosco